Reflexões‎ > ‎

Sardoal 2020 - Desafios

Publicado a 21/02/2010, 05:14 por Luís Manuel Gonçalves

Explicação prévia

 

Quando analiso a situação actual do concelho de Sardoal fico angustiado.

E mais angustiado ainda, quando sinto que muitos dos meus conterrâneos estão cansados, desistem, não se interessam.

Mas será que temos, obrigatoriamente, que nos resignar perante esta dura realidade e aguardar passivamente o desenlace que se antevê?

Não se sentiram incomodados perante as notícias publicadas recentemente na Imprensa Regional, em que se dá conta que o concelho de Sardoal foi um dos cinco concelhos do distrito de Santarém que, durante o ano de 2010, não vai receber um cêntimo do PIDDAC (Programa de Investimentos e Despesas de Desenvolvimento da Administração Central)?

Sentem-se bem perante o atraso do processo de revisão do PDM de Sardoal, que se arrasta há quase cinco anos?

A passividade e a indiferença serão as atitudes correctas perante esta situação? Não haverá nada a fazer? Não será possível construir um projecto mobilizador da vontade colectiva que una os Sardoalenses em torno  desse projecto e combata a indiferença e o comodismo instalados?

Nesta perspectiva comungo a opinião do Senhor Presidente da República quando pede aos Portugueses que não se resignem e que não tenham medo.

 

Por isso lanço um desafio aos Sardoalenses com capacidade crítica e criativa para que colaborem na elaboração de um projecto que prepare o futuro do nosso Concelho, contribuindo com as suas capacidades e conhecimentos ou, no mínimo, com sua crítica construtiva e com a denúncia de situações graves ou pouco claras que não sejam do conhecimento público e que mereçam ser divulgadas.

 

Para já dou o meu contributo para esse trabalho, apresentando as linhas gerais para a elaboração de um documento, na forma de sumário, que contenha as orientações estratégicas para o desenvolvimento do Município de Sardoal nos próximos 10 anos. Chamarei a esse projecto.


2020

SARDOAL

TERRITÓRIO RURAL DE EXCELÊNCIA

 

ESTRATÉGIA DE DESENVOLVIMENTO PARA O CONCELHO DE SARDOAL

 

2010-2020

 

 

Um Território Rural de Excelência,

que valoriza os seus recursos endógenos naturais, paisagísticos e patrimoniais;

Um Território Competitivo,

ancorado na fileira produtiva estratégica da fruticultura e da vinha;

Um Território Fornecedor

de produtos e serviços de turismo e lazer de qualidade;

Um Território Empreendedor

de projectos inovadores, impulsores do desenvolvimento económico e social;

Um Território Qualificado e Sustentável,

atractivo para viver, trabalhar, investir e visitar.

 

SUMÁRIO EXECUTIVO

 

I – A OPORTUNIDADE

II -ENQUADRAMENTO E INTEGRAÇÃO NA ESTRATÉGIA REGIONAL E NACIONAL

 

  1. Quadro de Referência Estratégico Nacional (QREN)
  2. Estratégia Nacional para o Desenvolvimento Sustentável 2005-2015 (ENDS)
  3. Plano Nacional de Política de Ordenamento do Território (PNPOT)
  4. Plano Estratégico Nacional de Desenvolvimento Rural (PENDR) e Programa de Desenvolvimento Rural (PRODER)
  5. Mais Centro – Programa Operacional do Centro 2007-2013
  6. Plano Regional de Ordenamento do Território do Oeste e Vale do Tejo (PROT - OVT)

 

III. ESTRATÉGIA DE DESENVOLVIMENTO

 

1. ANÁLISE SWOT SÍNTESE

2. REFLEXÃO ESTRATÉGICA

2.1 Factores de Potencial Dinamismo a Valorizar

2.2 Condicionantes Fundamentais a Minimizar

3. TENDÊNCIAS DE EVOLUÇÃO

4. VISÃO SARDOAL 2020

5. LINHAS ESTRATÉGICAS DE INTERVENÇÃO

A. Reforçar a presença na Região, melhorando as Acessibilidades Locais e Regionais

B. Qualificar as Redes de Infra-estruturas e Equipamentos

C. Promover a Qualidade de Vida e Estruturação do Território

D. Potenciar a Modernização e Diversificação da Base Económica

E. Valorizar os Recursos Endógenos, com potencial turístico e de lazer

I. Melhorar o Desempenho Organizacional e a Qualidade do Serviço Prestado

 

IV. PLANO DE ACÇÃO

1. Projectos Estruturantes

2. Fichas de Projecto

 

V. ANÁLISE E DIAGNÓSTICO ESTRATÉGICO

 

1. Nota metodológica

2. Demografia, Sistema Urbano e Infra-estruturas Básicas

3. Inovação, Competitividade e Empreendedorismo

    3.1. Actividades Económicas

    3.2. Tecido empresarial

    3.3. Emprego

    3.4. Outros Indicadores

4. Turismo e Desenvolvimento Rural

5. Educação, Formação e Qualificação

6. Coesão Local e Saúde

    6.1. Coesão Social

    6.2. Saúde

7. Cultura, Desporto e Património

8. Ambiente e Recursos Naturais

9. Acessibilidades e Transportes

10. Governação

 

VI. INVESTIMENTO REALIZADO NO ÂMBITO DOS FUNDOS ESTRUTURAIS

 

1. Enquadramento

2. Investimento por Áreas de Intervenção

3. Investimento por Programas e Iniciativas de Apoio

 

 

Nota: Este Sumário Executivo não é uma criação minha, pois resulta de uma adaptação que realizei a partir de documentos de planeamento estratégico de alguns municípios da Região do Oeste (Bombarral, Cadaval, Lourinhã, etc.), que julgo terem sido efectuados pela equipa do Professor Augusto Mateus, com o apoio do Engenheiro Fonseca Ferreira, ex - Presidente da CCDR LVT.

 

Em próxima oportunidade tentarei realizar a «ANÁLISE SWOT SÍNTESE»., respeitante ao Município de Sardoal

Comments